Göttinger Predigten

deutsch English español
português dansk Schweiz

Startseite

Aktuelle Predigten

Archiv

Besondere Gelegenheiten

Suche

Links

Gästebuch

Konzeption

Unsere Autoren weltweit

Kontakt
ISSN 2195-3171





Göttinger Predigten im Internet hg. von U. Nembach

18º Domingo após Pentecostes, 14.09.2008

Predigt zu Isaías 55:6-9, verfasst von Edson Ronaldo Tressmann

Aproveite a oportunidade!

Quantas vezes ouvimos ou recebemos esse convite! É dirigido a nós pelo comércio em geral diante de uma promoção. Oportunidade - é o que muitos estão desejando receber na empresa que trabalham para assumir outro cargo. Muitos querem, desejam, esperam uma oportunidade. Você também espera por uma oportunidade? E se eu lhe falar sobre uma oportunidade que você tem, irá aproveitá-la?

Aproveite a oportunidade. Qual?

1 - de voltar ao Senhor.

Entre tantos profetas, Isaías é mais um enviado por Deus para convidar o povo ao arrependimento, mais uma vez Deus convida o povo a voltar a Ele.

O povo de Israel está exilado na Babilônia, está fora de Jerusalém. Estando longe de sua terra, suas tradições, o povo acabou se deixando levar por outras crenças, e acabou desanimando mediante a suposta demora de Deus em tirá-los do exílio. Alguns já haviam esquecido aquilo que Deus por meio do profeta Jeremias havia dito: "O Senhor Deus diz ainda: ‘Quando os setenta anos da babilônia passarem, eu mostrarei que me interesso por vocês e cumprirei a minha promessa de trazê-los de volta à pátria" (Jr 29.10).

E para comunicar ao povo que eles estão de partida, estão para deixar o exílio, Deus envia Isaías um profeta que foi fundamental em meio ao desânimo e desesperança do povo de Deus. Isaías anunciou o fim do exílio ao povo de Israel, e os convida a voltarem para Deus, pois Deus não os abandonou.

Mesmo diante do abandono do povo, mesmo tendo virado as costas para Deus, Deus continuou fiel à sua promessa de libertação do exílio. Principalmente na execução de sua grande promessa, de enviar seu Filho para morrer, pagar e perdoar todos os pecados da humanidade, e libertar os homens do cativeiro eterno.

Deus oferece uma oportunidade para o seu povo. Essa oportunidade já vinha sendo anunciada desde Moisés: "Lá vocês procurarão o Senhor, seu Deus, e o encontrarão, se o buscarem com todo o coração e com toda a alma" (Dt 4.29). O próprio Jesus Cristo reafirmou a grande oportunidade que cada cristão tem: "Peçam e vocês receberão; procurem e vocês acharão; batam, e a porta será aberta para vocês. Porque todos aqueles que pedem recebem; aqueles que procuram acham; e a porta será aberta para quem bate" (Mt 7.7-8).

Voltar-se para Deus - convite feito pelos profetas no Antigo Testamento. Deus sempre enviou homens para convidar o povo a se voltar para Ele. Antes da chegada de Jesus, enviou João Batista que do deserto clamava: "Arrependam-se dos seus pecados porque o reino dos céus está perto!" (Mt 3.2). O próprio salvador Jesus iniciou seu ministério público com as palavras: "Arrependam-se dos seus pecados porque o reino do Céu está perto" (Mt 4.17). E como bom pastor, Jesus anunciou que há grande alegria no céu por um pecador arrependido (Lc 15.7,10).

Também falando a respeito da grande oportunidade que Deus nos dá, o apóstolo Paulo anuncia aos cristãos de Colosso que aproveitem o tempo, a oportunidade que tiverem para falar de Cristo, para que outros sejam salvos.

Olhemos a parábola contada por Jesus em Mt 20.1-16, que é o evangelho deste domingo. Ali o ensinamento é sobre a generosidade de Deus. Mesmo aqueles que se voltarem ao Senhor no último instante, receberão a recompensa eterna. Um precioso exemplo é o malfeitor na cruz: "Jesus lembre-se de mim quando o senhor vier como Rei!" e Jesus respondeu: "Eu afirmo a você que isto é verdade: hoje você estará comigo no paraíso" (Lc 23.42-43).

A oportunidade de Deus persiste até o nosso último suspiro. Isso é graça, é uma boa notícia. Mas, o apóstolo João em Apocalipse adverte: "Portanto, lembrem do que aprenderam e ouviram. Obedeçam e se arrependam. Se não acordarem, eu os atacarei de surpresa, como um ladrão, e vocês não ficarão sabendo nem mesmo a hora da minha vinda" (Ap 3.3).

Aqui João deixa claro que Deus não quer a morte do pecador, deseja sim, que ele se arrependa e viva. E como isso é possível? Segundo João, se lembrando. Segundo Isaías, voltando-se e buscando ao Senhor.

Por isso: Aproveite a oportunidade. Qual?

2 - de buscar o Senhor.

O homem está em busca de muitas coisas. Para isso aproveita as oportunidades. Está em busca de espaço, crescimento intelectual, profissional, e outros milhares estão em busca de experiência religiosa. E a experiência religiosa tem dois perigos: 1) - decepção e 2) - condenação.

É para evitar uma trágica decepção e condenação é que Deus anuncia pelo seu profeta Amós: "Voltam para mim e fim de que tenham vida....Voltem para o Senhor e vocês viverão." (Am 5.4,6). O profeta Isaías anuncia: "Buscai o Senhor..." (Is 55.6 ARA). Eis um convite maravilhoso, buscar ao Senhor. Ainda mais nesses dias confusos, onde as pessoas são tentadas a crer e buscar socorro e auxlio em qualquer lugar.

Quando o profeta Isaías convida: "Buscai o Senhor", ele está transmitindo a seguinte mensagem: Se agarre na mão de Cristo, aceite aquilo que Cristo fez por você na cruz, pois tudo o que Cristo fez na cruz é oferecido, dado a você. Como disse Paulo aos Gálatas: "Pois, por meio da fé em Cristo Jesus, todos vocês são filhos de Deus" (Gl 3.26).

Buscar o Senhor - convite, feito por um profeta enviado por Deus para um povo desanimado, fraco e vacilante na fé, sem esperança de cuidado e socorro. Um convite feito a um povo afastado, que havia virado as costas para Deus. É um convite que diz: "Estendam a mão e recebam aquilo que Deus está dando - libertação."

Aproveite à oportunidade de voltar e buscar o Senhor. Aproveite, pois o apóstolo Paulo anunciou: "Escutem! Este é o tempo em que Deus mostra a sua bondade. Hoje é o dia de ser salvo" (2Co 6.2b). Qual é o benefício em voltar e buscar o Senhor? Deus é rico em perdoar.

Aproveite a oportunidade. Qual?

3 - de ser perdoado.

Quando o profeta Isaías diz, volte-se ao nosso Deus, pois ele é rico em perdoar, ele está anunciando ao povo que o nosso Deus é diferente dos outros deuses que eles passaram a servir. Nosso Deus - que os tirou da escravidão do Egito, que os amou e os ama até o fim. É o mesmo Deus que disse que eles ficariam 70 anos exilados e depois disso receberiam a libertação, assim como agora estava sendo anunciada pelo profeta. Nosso Deus é diferente dos demais, pois além de convidar a voltar a Ele, e de buscá-lo, ainda recebe a certeza de que o encontrarão pronto para perdoar.

É justo, um povo rebelde, que se voltou contra Deus receber a certeza de perdão? Jesus na parábola responde: "São maus os teus olhos porque eu sou bom?" Jesus afirma que Deus é bondoso e trata a todos igual. Ele deseja ardentemente que todos sejam salvos. Por isso, o convite: Voltai, buscai, e eu perdôo.

Talvez a nossa postura como cristão ativo na igreja seja a mesma do trabalhador da parábola contada por Jesus. Talvez eu tenha servido ao Senhor com alegria durante anos, mas agora estou descontente com algumas coisas que andam acontecendo. Novas pessoas estão entrando na igreja e ocupando espaço que deveria ser da minha família, pois eu ajudei a construir a igreja. Talvez eu mereça ser mais respeitado, pois sou o maior contribuinte. Também não acho justo, uma pessoa que sempre andou pelo mundo aprontando as suas e no final da vida se diz um cristão e eu tenho que aceitá-lo como irmão. Alguns pensamentos que, talvez, estejam em alta e por isso as palavras de Jesus se dirigem a você: "São maus os teus olhos, porque eu sou bom?" E também para você é o convite, voltai e buscai, e pra você é a certeza, nosso Deus é rico em perdoar.

Nosso Deus - é como se Isaías estivesse dizendo, não deixe a tua consciência pesar a ponto de te fazer afastar-se por completo de Deus. Ele é rico em perdão. Conhece teus pecados, tua vida, mostra teus erros, e te convida para olhar para Ele, não virar as costas para Ele. Deus deseja que você aproveite a oportunidade de perdão que está te oferecendo. Agarre-se nas mãos de Cristo, nas mesmas mãos que foram penduradas na cruz para te perdoar, sem ao menos merecermos.

Nosso Deus trata a todos com generosidade e é rico em perdoar, por isso Miquéias disse: "Ó Deus, não há outro Deus como tu, pois perdoas os pecados e as maldades daqueles do teu povo que ficaram vivos. Tu não continuas irado para sempre, mas tens prazer em nos mostrar sempre o teu amor. Novamente, terás compaixão de nós; acabarás com as nossas maldades e jogarás os nossos pecados no fundo do mar" (Mq 7.18-19).

Conclusão

APROVEITE A OPORTUNIDADE, volte e busque o Senhor. Ele quer lhe dar o perdão dos pecados, vida e salvação. Ele é rico em perdoar, isso é prova do seu amor manifestado em Jesus e prova de sua generosidade.

                                                                                                             Amém!

 



Edson Ronaldo Tressmann
Alto Parnaíba, MA ? Brasil
E-Mail: cristo_para_todos@hotmail.com

(zurück zum Seitenanfang)