Göttinger Predigten

deutsch English español
português dansk Schweiz

Startseite

Aktuelle Predigten

Archiv

Besondere Gelegenheiten

Suche

Links

Gästebuch

Konzeption

Unsere Autoren weltweit

Kontakt
ISSN 2195-3171





Göttinger Predigten im Internet hg. von U. Nembach

o Domingo da Páscoa, 23.03.2008

Predigt zu Isaías 25:6-9, verfasst von Leandro Daniel Hübner

A Páscoa é a maior vitória!

Vitória - todos nós a buscamos e a queremos. Nos esportes, nos estudos, no trabalho, na vida. Não são todos que a alcançam e, por isso, a vitória é motivo de alegria e festa. Quanto mais forte é o adversário que derrotamos, mais festejada é a vitória alcançada.

A maior vitória e a mais festejada é a vitória sobre um inimigo que nós, seres humanos, não conseguimos derrotar: a morte.

O ser humano tenta derrotá-la e vencê-la com remédios, tratamentos e cirurgias caras e até congelamento de corpos, mas é impossível vencê-la.

Somente uma pessoa foi capaz de vencer a morte: Jesus Cristo. Ele a derrotou, ressuscitando, e oferece esta vitória a nós. Por isso dizemos que a Páscoa é a maior vitória!

A Páscoa é maior vitória! Por isso, não vamos deixá-la escapar. Nós temos muitos inimigos que querem tirar de nós a vitória. Temos inimigos dentro de nós mesmos, como a incredulidade, isto é, a falta de fé firme e verdadeira nas promessas e obras de Deus; temos o conformismo com o mundo e sua vida longe de Deus; temos as tentações para crer em falsos ensinos, que nos parecem bons e agradáveis; temos o desinteresse pela Palavra de Deus e a indiferença a seu amor por nós, e também a falta de interesse pelo sofrimento dos outros.

Temos também inimigos fora de nós, como as falsas religiões; o materialismo, isto é, o desejo cada vez maior por bens materiais; o diabo, que nos tenta com coisas que desviam nossa atenção e interesse por Deus e sua Palavra; e o próprio mundo em que vivemos, que com a TV, livros, internet, revistas e outros meios nos ensina caminhos diferentes dos caminhos de Deus.

Estes inimigos são fortes e muita gente já foi derrotada por eles. O povo de Deus no tempo de Isaías, por exemplo, que estava sofrendo com derrotas em guerras, com problemas políticos e sociais, causados por sua infidelidade a Deus. Outro exemplo são alguns dos cristãos coríntios que, como nos mostra a carta de Paulo a eles, não criam na ressurreição de Jesus.

Certamente também nós já fomos muitas vezes derrotados por esses inimigos, que querem tirar de nós a vitória de Cristo e fazer-nos deixá-la escapar. Quem de nós pode dizer que é totalmente fiel a Deus e a sua Palavra? Será que lemos e estudamos a Bíblia cada dia, como Deus espera de nós? Será que oramos a Deus sempre, em tempo de tristeza e de alegria também? Quem de nós nunca deixou de lado o culto a Deus por causa de outra coisa que achamos mais interessante?

Quem nunca pensou que Deus não o abençoa como deveria ser abençoado e que sua vida tem só desgraças? Quem nunca pensou que dizer que tem fé é suficiente, isto é, que crer em Deus ou em Jesus já basta e não há necessidade de mostrar nossa fé no dia a dia com atos de amor? Quem nunca duvidou de Deus ou nunca caiu nas tentações do diabo?

Como vemos, irmãos e irmãs, se analisamos somente um pouco de nossa vida, já vemos que muitas vezes os inimigos venceram e nos fizeram deixar a vitória da Páscoa escapar, ou pelo menos nos fizeram deixá-la em 2º ou 3º lugar em nossa vida.

Mesmo assim, a Páscoa é a nossa maior vitória e, para não deixá-la escapar, devemos abraçar esta vitória com fé. O profeta Isaías animou o povo de Deus com promessas que vinham do próprio Deus, como lemos nos v. 7 e 8 de Is 25: LER. Isaías diz que Deus enxugará as lágrimas dos olhos de todos.

Pois essas promessas são para nós também, hoje. Isaias mostra no v. 6 que Deus dá sua graça para todas as pessoas: No monte Sião, o SENHOR Todo-Poderoso vai dar um banquete para todos os povos do mundo. E o apóstolo Paulo diz que a ressurreição de Cristo tem valor para nós hoje, como lemos em 1Co 15.20-21, 55-57: LER.

Devemos abraçar a vitória com fé, pois essas promessas de Deus são um "banquete" para nós. Outra vez vamos ouvir o v. 6: No monte Sião, o SENHOR Todo-Poderoso vai dar um banquete para todos os povos do mundo. Paulo nos diz em 1Co 15.42-44 que teremos corpos imortais, bonitos e fortes, espirituais. Isso é um verdadeiro "banquete" para nós que vivemos aqui com corpos mortais, fracos e cheios de problemas e enfermidades, corpos físicos.

Devemos abraçar esta vitória com fé também porque muitas pessoas viram essas promessas serem cumpridas. As pessoas que viram pessoalmente o Cristo ressuscitado foram muitas: os discípulos, as mulheres, as 500 pessoas que Paulo nos conta em 1Co 15.

Essas pessoas nos dão a certeza de que Ele realmente ressuscitou. O fato da Bíblia estar aqui hoje, passando por quase dois mil anos de perseguição sem ser modificada ou falsificada, também é uma prova de que Cristo realmente viveu, sofreu, morreu e ressuscitou por nós, pois o seu ES manteve sua Palavra pura até hoje.

Por tudo isso, devemos abraçar a vitória com fé. Mas, como vamos fazer isso? É muito simples. Devemos crer, simplesmente confiar nas promessas e obras de Deus, pois a fé a única forma de tomar posse dessa vitória e de ser, como Cristo e junto com Ele, vitoriosos também.

A fé é o instrumento para pegarmos a vitória de Cristo para nós, assim como uma rede é o instrumento para o pescador pegar seus peixes. Mas há uma diferença: o pescador tem que conseguir uma rede para pegar os peixes; já a fé não somos nós que conseguimos, mas é Deus mesmo que põe a fé em nós através de seu Espírito, que entra em através da Palavra de Deus e dos Sacramentos, como Paulo diz em Ef 2.8-9.

A Páscoa é a maior vitória! Por isso, vamos abraçar a vitória com fé, confiando nas promessas de Deus e crendo que a vitória de Cristo é a nossa vitória. Mesmo quando somos derrotados pelo pecado, se nos arrependemos e confiamos em Jesus, Ele nos perdoa e nos dá novamente a sua vitória. O apóstolo Paulo diz isso: Agora já não existe nenhuma condenação para as pessoas que estão unidas com Cristo Jesus (Rm 8.1).

Hoje dizemos uns aos outros "Feliz Páscoa!" Mas, quem pode ter uma Páscoa feliz de verdade? Somente a pessoa que crê em Cristo e, dessa maneira, toma posse da vitória que Ele oferece com sua morte e ressurreição, quando venceu a morte, o diabo e o pecado por nós.

A Páscoa é a maior vitória! Que Deus ES dê a todos nós uma abençoada e verdadeira Feliz Páscoa, ajudando-nos para não deixarmos a vitória de Cristo escapar e para abraçarmos essa vitória com fé. Feliz Páscoa, com a vitória de Cristo, que é a nossa maior vitória! Amém.

  

 



Leandro Daniel Hübner
Dionísio Cerqueira, SC ? Brasil
E-Mail: ledahu@gmail.com

(zurück zum Seitenanfang)